Visite o canal do Prof Ronaldo no Youtube

Loading...

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Processo Seletivo e Vestibular 2018 do IFF

Os interessados devem fazer a inscrição no período de 12 de setembro a 16 de outubro de 2017no endereço eletrônico www.selecoes.iff.edu.br, ou presencialmente no campus ofertante do curso pretendido. Para realizar a inscrição, o candidato deverá possuir Cadastro de Pessoa Física (CPF) próprio; Documento Oficial de Identificação com foto, próprio; e Correio eletrônico (e-mail), não sendo possível realizar a inscrição utilizando o CPF e/ou outros documentos oficiais de identificação de terceiros.
 O diretor de Gestão Acadêmica e Políticas de Acesso do IFF, Marcelo Sarmento, destaca as muitas possibilidades para os interessados. Tem uma diversidade de cursos, de possibilidades de escolha para os candidatos. Eles devem estar atentos, ler o edital e escolher aquele curso que desejam concorrer e cursar. Para 2018, ampliamos o número de vagas e estamos ofertando cursos novos, como os superiores em Gastronomia do Campus Cabo Frio e em Engenharia Elétrica do CampusMacaé; e os Cursos Técnicos Concomitantes em Edificações e Automação Industrial do Campus Pádua ”, diz.
 Para os Cursos Técnicos de Nível Médio são ofertadas 2920 vagas para os campi Avançados Cambuci, Maricá e São João da Barra e para os campi Bom Jesus do Itabapoana, Cabo Frio, Campos Centro, Campos Guarus, Itaperuna, Macaé, Quissamã, Santo Antônio de Pádua e para a Unidade de Formação de Cordeiro.
 Alguns dos cursos ofertados são: Agropecuária, Construção Naval, Eletromecânica, Meio Ambiente, Alimentos, Hospedagem, Mecânica, Informática, Telecomunicações, Enfermagem, Farmácia, Administração, entre outros.
Podem se candidatar aqueles que tenham concluído o Ensino Fundamental, ou que estejam concluindo o 9.º ano do EnsinoFundamental no ano de 2017 (Curso Integrado ao Ensino Médio); que tenham concluído o Ensino Médio, ou que, no momento da matrícula, estejam cursando, no mínimo, o 2.º ano do Ensino Médio ou de curso equivalente (Curso Concomitante); que tenham concluído o Curso Técnico de Nível Médio ou o Ensino Médio (antigo 2.º grau) ou que possuamCertificado de Conclusão do Ensino Médio com base nos resultados obtidos no Enem (Curso Subsequente), conforme orientações do Edital N.º 179, de 04 de setembro de 2017.
 As inscrições para os Cursos Técnicos de Nível Médio podem ser feitas AQUI.
 Após realizar a inscrição, é necessário fazer o pagamento da taxa no valor de R$ 25,00, por meio da Guia de Recolhimento da União (GRU). A isenção da taxa deverá ser requerida no ato da inscrição, no período de 12 a 26 de setembro, conforme orientações do Anexo III do edital.
 O Processo Seletivo para os Cursos Técnicos de Nível Médio será desenvolvido em etapa única que compreende prova objetiva de múltipla escolha, a ser aplicada no dia 03 de dezembro de 2017. O resultado final será divulgado no dia 10 de janeiro de 2018.
 Já para os Cursos Superiores de Tecnologia, Bacharelado e Licenciatura, a oferta é de 484 vagas para os campi Bom Jesus do Itabapoana, Cabo Frio, Campos Centro, Campos Guarus, Itaperuna e Macaé.
 Entre os cursos ofertados estão: Ciência e Tecnologia dos Alimentos, Hotelaria, Arquitetura e Urbanismo, Teatro, Matemática, Educação Física, Manutenção Industrial, Engenharia Ambiental, Música Engenharia Elétrica. Podem se candidatar portadores de Certificados de Conclusão do Ensino Médio (antigo 2.º grau) ou de curso equivalente.
 O pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 65,00 por meio da Guia de Recolhimento da União (GRU), gerada no momento da inscrição, deverá ser efetuado até o dia 18 de outubroem qualquer agência do Banco do Brasil. A isenção da taxa, assim como os Cursos Técnicos de Nível Médio, deverá ser requerida no ato da inscrição, no período de 12 a 26 de setembro.
 O Concurso Vestibular 2018 – 1.º Semestre será realizado em duas fases: primeira fase no dia 26 de novembro; e segunda fase, no dia 17 de dezembro, conforme informações do Edital N.º 180, de 04 de setembro de 2017
 As inscrições para o Concurso Vestibular podem ser feitas AQUI.
 É importante que o candidato leia atentamente todo o edital antes de realizar a inscrição. O candidato que apresentar dúvidas relacionadas às inscrições poderá enviar e-mail para: atendimentoaocandidato@iff.edu.br

domingo, 9 de julho de 2017

Primeira Escola Brasileira Síncroton


A Escola Brasileira de Síncrotron: “Fundamentos e Aplicações”, que acontecerá entre 10 e 21 de julho de 2017 no Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS), em Campinas, SP. Planejada como um evento regular, a iniciativa busca ampliar a capacitação da atual comunidade de usuários do LNLS, além de impulsionar a formação e o treinamento de novos usuários, potencialmente aptos a utilizar técnicas de luz síncrotron em suas áreas de pesquisa. Na Escola serão apresentados os conceitos básicos da produção de luz síncrotron e suas principais propriedades, além de algumas técnicas e tecnologias específicas. A Escola Brasileira de Síncrotron (EBS), durante suas duas semanas, terá aulas teóricas e práticas, estas últimas utilizando as linhas de luz disponíveis no LNLS.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Alemães fazem máquina funcionar e vão mudar o mundo nos próximos anos



Uma das maiores descobertas da ciência recente foi conseguir colocar, pela primeira vez, uma máquina de fusão nuclear funcional. E sim, na Alemanha a máquina Wendelstein 7-X foi capaz de confirmar tal feito.
Como funciona a máquina? A máquina tem o mesmo principio do sol: funde átomos para gerar energia. Ela é o oposto da energia nuclear que temos hoje, que funciona através da fissão. Por 30 anos, a humanidade esteve pesquisando a fusão nuclear na esperança que isso se transformasse em uma fonte inesgotável de energia.
Ao dominar a fusão nuclear, vamos estar perto de uma fonte de energia inesgotável, e isso deve mudar o planeta para sempre: vamos poder dessalinizar água salgada, um dos exemplo, e transformar desertos em grandes fazendas – eliminando a fome -, podemos fazer o custo do transporte cair também.
O Wendelstain 7-X é uma máquina com de 16 metros de diâmetro, que tenta imitar as condições das estrelas para fundir átomos e produzir energia, produzindo assim um campo magnético para segurar o plasma gerado no processo. E tudo isso foi conseguido, com um campo magnético 3D que conseguiu fazer o processo sem destruir a máquina.
A priori, a máquina vai gerar energia apenas para si. Depois, poderemos começar a usar essa tecnologia para gerar uma enorme quantidade de energia de maneira barata e limpa, já que o produto da reação é água.